4 de novembro de 2017

Toyotaro, Mangaká De DBS, Conversa Com O Criador Da Franquia, Akira Toriyama


Toyotaro, responsável pelo mangá de Dragon Ball Super, conversa com Akira Toriyama, criador de Dragon Ball. Conversa publicada no volume 4 do mangá de Dragon Ball Super (Novembro, 2017)
Toriyama-Toyotaro Free Talk Volume 2
Os dois autores discutem os segredos por trás do nascimento do “arco Trunks do Futuro”!
Toyotaro: Qual foi seu o ponto de partida para criar o "arco Trunks do futuro?"
Toriyama: Eu acho que comecei pensando em "vamos mudar as coisas um pouco."
Toyotaro: Fiquei chocado quando eu li pela primeira vez seu rascunho original. Eu pensei que os deuses eram absolutamente bons, então tendo um deles se tornado mal aumentou a tensão. A sensação de tensão que flui da história a partir desse ponto em diante foi incrível. Penso que é difícil fazer as coisas tensas em uma história de Dragon Ball. Mas estabelecer uma luta no “futuro” alternativo, onde não há Esferas do Dragão, cria uma sensação louca de tensão, pois, obviamente, ninguém pode voltar a vida se morrerem. E antes disso, quando a história começa, você nem sequer sabe a verdadeira identidade do inimigo. A personalidade de Zamasu também era algo que não tínhamos visto antes. Os vilões de Dragon Ball costumam ser absolutamente malignos, então não há nada de errado em derrotá-los, mas Zamasu foi um caso ligeiramente mais complicado de “justiça distorcida”.
Toriyama: Em seu cerne, Zamasu é bom como Shin. Embora eu acho que você poderia dizer que ele era tão impertinente que isso surtiu um efeito colateral. Mas você sabe, para este ”arco Trunks do futuro” você teve que retratar o conflito interno de Zamasu e Trunks, certo? Se isso estivesse acontecido quando eu mesmo estava desenhando o mangá, eu duvido que pudesse ter feito isso. Quer dizer, não sou muito bom em retratar o psicológico dos personagens. Então, tudo se uniu porque agora eu só tenho que pensar na história (risos)
Toyotaro: Majin Boo não tem esse tipo de conflito psicológico.
Toriyama: Exato! Francamente, eu até mesmo achei que Cell foi um pouco complicado (risos). Com os inimigos, é mais fácil simplesmente faze-los com que sejam caras malvados, para que possam apenas serem derrotados. Nesse sentido, acho que um mangá Shojo é realmente incrível, já que eles devem descrever continuamente o estado de espírito de uma menina (risos). Eu não acho que eu poderia lidar com isso!
Toyotaro: É incrivelmente difícil uma vez que as coisas se acumulam e ficam cada vez mais complicadas. Mesmo eu tive sérias dúvidas se tinha transmitido adequadamente o estado de espírito de Zamasu. Eu fiz isso certo?
Toriyama: Não se preocupe, você fez bem. É justamente porque você desenhou isso para mim que o ”arco Trunks do futuro” foi capaz de ser feito! Por mim mesmo, duvido que eu teria sido capaz de expressar a queda de Zamasu para o lado negro.
Toyotaro: Particularmente, eu acho que dificilmente consegui transmitir isso, mas é uma honra você dizer isso (risos). Mudando de assunto, tenho uma pergunta sobre os personagens do “arco Trunks do futuro”. Acho que os inimigos desta vez tiveram um enorme impacto. Com o Goku Black em particular, como surgiu a ideia para ele?
Toriyama: Era algo que eu queria tentar fazer apenas uma vez. Algo Como “Ultra Man falso” ou “Kamen Rider falso”.
Toyotaro: Oh, então foi isso?
Toriyama: Sim! Eu queria fazer um “Son Goku falso” (risos).
Toyotaro: Isso funciona surpreendentemente bem. É claro, Goku Black foi dublado por Masako Nozawa-san, mas ela fala de forma tão polida… suponho que venha do Zamasu? Eu ouvi que a redação do editorial recebe cartas de fãs (mulheres) dizendo o quão sexy foi a performance dele (risos).
Entrevistador: Você adiciona suas próprias idéias à medida que você transforma o rascunho original de Toriyama Sensei em um mangá (finalizado)?
Toyotaro: Está certo. Numa última análise, as coisas precisam se encaminhar para a conclusão indicada pelo rascunho original de Toriyama-sensei, mas durante esse processo eu quero dar aos personagens várias coisas para fazer. Vegeta sendo teimoso mostra o apelo de seu personagem e faz a história mais emocionante. E é claro que eu quero fazer Trunks parecer legal, até mesmo Gowasu… basicamente eu quero que cada personagem tenha a chance de brilhar. Às vezes, eu desvio um pouco do roteiro, mas acho que você poderia dizer que sou fiel à sua essência.
Toriyama: Eu fico feliz com isso! Afinal, você conhece muito mais sobre a Dragon Ball do que eu (risos).
Toyotaro: Bem, meu objetivo é ser o fã numero 1 (risos). Ainda assim, não é apenas sobre o meu desejo de dar aos vários personagens a chance de brilhar. Há também momentos em que esse tipo de coisa é necessário para chegar ao objetivo que você indicou, Toriyama-sensei. Por exemplo, se o objetivo é que Goku tenha um confronto direto com Zamasu no final, não posso simplesmente fazer Goku alcançar esse ponto no auge. Há necessidade de várias voltas e voltas antes que os dois possam lutar um contra o outro. Desta vez, no “arco Trunks do Futuro”, houve muitas reviravoltas que eu criei. Embora eu estivesse um pouco incerto sobre eles…
Toriyama: Não, é melhor desse jeito! Eu acho melhor deixar sua individualidade como um autor brilhar, em vez de seguir o caminho que eu deixei especificado para você. Seria desequilibrado se fossem apenas minhas idéias, então é melhor assim.
Toyotaro: Enquanto eu tentava não levar as coisas muito longe, eu certamente consegui usar muitas das minhas próprias idéias em certos pontos. Pensei: “Não seria interessante se Trunks tivesse treinado no Reino dos Kaioshins e tivesse poderes de cura?” (risos)
Toriyama: Definitivamente é melhor assim.
Entrevistador: O Super Saiyajin God do Vegeta também apareceu no mangá.
Toriyama: Eu supervisionei isso. Eu lembro (risos). Foi divertido ver as ideias do Toyotaro-sensei começarem a emergir cada vez mais.
[subtítulo para foto de Goku usando Mafuba] Além do Mafuba, que estava no rascunho original, várias outras reviravoltas foram criadas…!!
Entrevistador: Houve outros pontos difíceis?
Toyotaro: Zamasu [fusão] na verdade não era um personagem tão forte no esboço original que recebi de Toriyama-Sensei. Embora imortal, sua força era tal que dois Super Saiyajins Blue seriam mais que suficiente para derrotá-lo. E é exatamente por isso que no rascunho original as coisas se desenrolaram para que sua “imortalidade” e “limite de tempo dos brincos Potara” se tornassem ‘chaves’, e Goku e Vegeta se revezassem lutando contra ele. Goku e Vegeta não se fundiram no rascunho/ roteiro original. Suas personalidades após o “arco Majin Boo” fazem/ tornam qualquer possibilidade de Fusão ser impossível. No entanto eu queria alcançar as expectativas dos leitores… e, então, fiz uma situação onde “mesmo que eles não devam realmente se fundir, agora não tem mais jeito, a não ser terem que se fundir”.
Toriyama: Eu acho que foi bom!
Toyotaro: É por isso que eu pensei e pensei até que o esboço se juntasse… Foi o tempo mais divertido e também o mais estressante. Mas logo conseguido o ‘OK’, foi um trabalho divertido depois disso!
Toriyama: Na maioria das vezes eu dei ‘OK’ logo de cara, para os esboços do “arco Trunks do futuro”!
Toyotaro: Estou muito feliz em ouvir isso. Mas eu também estava feliz quando ocasionalmente me dava conselhos. Ficava como: “ele realmente leu!!” (risos)
Entrevistador: As coisas ficaram excitantes pro Toyotaro-sensei, quando ele teve apontamentos de Toriyama-sensei! “Sim, ele realmente olhou isso!” (risos)
Toyotaro: Não, eu realmente estava feliz.
Entrevistador: Do seu ponto de vista, Toriyama-sensei, como você vê a evolução de Toyotaro-sensei, agora que estamos no Volume 4?
Toriyama: No que diz respeito às suas ilustrações, anteriormente parecia que ele estava perseguindo o meu Dragon Ball. No entanto, recentemente suas próprias cores começaram a surgir, e eu acho que está caminhando para um aperfeiçoamento definitivo.
Toyotaro: Oh, fico muito grato.
Toriyama: Vamos ver… Se eu tiver que dizer outra coisa, então eu acho que você é muito meticuloso! Especialmente em cenas de batalha, pode ser bom fazer mais de um modo “descuidado”, de um jeito mais fácil.
Toyotaro: As cenas de batalha são realmente difíceis e eu sempre estou preocupado com elas…
Toriyama: Eu tive dificuldade com as cenas de batalha também. Mas às vezes desenhar com um toque áspero pode produzir bons resultados, estranhamente. É por isso que é importante fazer de modo descuidado, de qualquer jeito! (risos). Isso será perfeito!
Toyotaro: Terei isso em mente!
dndf4bdvoaav5n9dndf5kzuqaa7n3vdndf6gwv4aexouqdndf7rivwaa1mos


Via: Kami Sama Explorer

Categorias

Participamos de:

Parceiros




Image and video hosting by TinyPicOtakuBFXAgregador de SiteAnimes AkiAnnimesPlay